Em quatro dias, Núcleo de Prática Jurídica do UNIFEB consegue 92 acordos em 100 processos movidos contra devedores
Home Em quatro dias, Núcleo de Prática Jurídica do UNIFEB consegue 92 acordos em 100 processos movidos contra devedores

Em quatro dias, Núcleo de Prática Jurídica do UNIFEB consegue 92 acordos em 100 processos movidos contra devedores

E-mail Imprimir PDF

 

 

O Núcleo de Prática Jurídica do Centro Universitário da Fundação Educacional de Barretos (UNIFEB) alcançou o número de 92 acordos em 100 processos movidos pela prefeitura municipal contra devedores do bairro Pedro Cavalini, durante quatro dias de audiências realizadas no mês de julho.
 
De acordo com o coordenador do Núcleo de Prática Jurídica do UNIFEB, Gustavo Casagrande Canheu, a quantidade de acordos é considerada muito satisfatória. “Após as conciliações, restam apenas oito devedores registrados na dívida ativa do município daquele bairro”, disse.

Segundo o Diretor de Serviço do Anexo das Fazendas do Fórum de Barretos, Sandro Alberto Mingorance, o atendimento prestado pelo Centro Universitário vai ao encontro de interesses de toda a sociedade. “É uma grande contribuição para alcançarmos dois itens fundamentais, que são a arrecadação e a redução da inadimplência”, afirmou.

Os oito devedores restantes do bairro Pedro Cavalini já estão agendados para participar da próxima Semana de Conciliação a ser realizada no UNIFEB, entre os dias 30 de setembro e 4 de outubro, quando serão realizadas 50 audiências.

Projeto Pioneiro

O Centro Universitário da Fundação Educacional de Barretos (UNIFEB) é a primeira instituição de ensino do Estado de São Paulo a realizar audiências para conciliações fiscais (tributárias). Os atendimentos acontecem desde o mês de abril, todas as terças e quintas-feiras, no período da manhã.

Antes das conciliações fiscais, o UNIFEB já prestava sua contribuição ao meio jurídico barretense. Em 2012, o Anexo do Juizado Especial Cível localizado no campus da instituição atendeu a 543 processos, realizando, em média, 30 audiências por semana, chegando a acordos em quase 50% dos casos.

Todos os atendimentos são feitos por alunos rigorosamente selecionados e supervisionados por professores da instituição de ensino.

 
 
Fonte: Cia. da Mensagem
Última atualização ( Seg, 02 de Setembro de 2013 11:48 )